terça-feira, 18 de novembro de 2008

Felicidade

É uma palavra para mim algo complicada de explicar, pois sente-se de várias maneira e por várias razões.
Hoje estou feliz, não com alguma coisa em especial mas comigo mesma.
É uma alegria interior, e é bom ver como abri os olhos para as pequenas coisas, tudo aquilo que antes passava por mim sem deixar rasto, agora pelo menos já deixa um pontinho. É triste como as vezes não se vive apenas se sobrevive, e eu cheguei a essa triste conclusão já um pouco tarde.
São as coisas inexplicaveis que me continuam a deixar pensativa, mas com calma tudo vai ao lugar.
(Obrigada pela ajuda)

1 comentário:

Sílvia disse...

Vou te por no Lorvao...ai vou, vou!!! Malucaaaaaaaaaaaa :D